Por que o Switch precisa de seu tão rumorado emulador oficial de garoto de jogo

"Nintendo (Crédito da imagem: Nintendo)

O Game Boy Advance abriga alguns jogos fantásticos. De fato, muitas das minhas melhores lembranças de infância decorrem de jogar os melhores jogos de GBA no meu computador de mão de cor índigo. Ainda me lembro de ter sido totalmente encantado com a Sapphire Pokemon durante uma longa viagem de uma viagem para a França-apesar da escuridão da tela não-iluminada do computador de mão, o que era impossível de ver sob uma certa luz. Além de gastar dias que derramando sobre o Fire Emblem: The Sacred Stones, Kirby e The Amazing Mirror, e Hamtaro: Ham-Ham Games, ainda existem tantos jogos de Game Boy Advance que nunca consegui. Com o passar do tempo, muitos desses jogos custam um centavo para a forma original, e é por isso que muitos se voltam para emuladores não oficiais.

Fazer isso é uma área escura em relação à propriedade, mas um vazamento recente sugeriu que pudéssemos ver uma seleção de jogos do Game Boy Advance chegando digitalmente no Switch – junto com rumores anteriores que dizem jogos de garoto de jogo também podem ser adicionados em alguns etapa. Embora nada tenha sido confirmado no final da Nintendo, essas adições oficiais fazem todo o sentido, e há muitas razões pelas quais espero que se concretize.

Legado

"Fire

(Crédito da imagem: Nintendo) Leia mais

"Nintendo

(Crédito da imagem: Nintendo)

Aqui estão 10 jogos a serem baixados antes que o Wii U e o 3DS eShop feche .

Ao longo dos anos, a linha de consoles e computadores da Nintendo ofereceu tantos jogos memoráveis ​​diferentes. Com abundância que me passou por um motivo ou outro, ainda sonho em poder acessá -los todos em um só lugar e experimentar jogos que nunca tive a chance de jogar. O Switch, como um console híbrido, é um ótimo lar para os jogos mais antigos, e não posso deixar de vê -los mais prontamente disponíveis em geral.

Começamos constantemente a ver uma seleção de jogos das gerações passadas chegando no interruptor. Os membros on -line da Nintendo Switch podem jogar uma coleção de jogos SNES e NES e, mais recentemente, a assinatura de expansão on -line da Nintendo Switch mais cara oferece uma porção de jogos de jogos N64 e Sega Genesis – alguns dos quais ainda estão sendo adicionados (com Mario Golf no N64, sendo uma das mais recentes adições). Este é certamente um passo na direção certa, mesmo que os coloque atrás de um paywall e inclua apenas um número limitado.

Leia também  Como assistir The Future Games Show com tecnologia WD_BLACK em 13 de junho

Como nada foi confirmado e só temos um vazamento, ainda não sabemos se os jogos do Game Boy Advance seguiriam os passos das adições do N64, mas parece uma aposta bastante segura. Certamente ajudaria a Nintendo a tornar o mais premium e, nesse ponto, a associação de expansão de expansão sem brilho mais atraente e vale a pena. E se os rumores sugeriram que os jogos de garoto de jogos poderiam ser adicionados no final da linha também acabarem sendo verdadeiros, o Switch teria uma biblioteca robusta de antigos e novos.

"Melhores

(Crédito da imagem: Nintendo)

“O Game Boy Advance é uma máquina que sempre vou me apegar, e seria muito bom apreciar e redescobrir novamente, apenas fantástico e agradável, tantos de seus jogos ainda são”.

No momento, parece especialmente importante ver esses jogos chegarem ao último console à luz das notícias de que a eShop no Nintendo 3DS estará fechando para o bem em março de 2023. É graças ao console virtual do 3DS que eu Ainda posso revisitar alguns jogos clássicos de garoto, como a terra dos sonhos de Kirby, depois de extraviar meu cartucho. Embora ainda possamos comprá -los a partir de agora, ainda é uma pena que esteja desaparecendo – mesmo que o 3DS seja um computador de mão mais antigo. Quando isso acontecer, mais uma vez será mais difícil acessar alguns dos jogos portáteis mais antigos oficialmente, e é por isso que a possibilidade de ver mais emuladores no Switch realmente importa.

Afinal, muitos dos jogos clássicos do Game Boy e Game Boy Advance fazem parte da história da Nintendo e devem estar prontamente disponíveis para os jogadores experimentarem e aproveitam. A lenda de Zelda: The Minish Cap, por exemplo, é um jogo que eu sempre quis experimentar e, se chegar ao Switch, finalmente posso fazer isso sem ter que desembolsá -lo em um cartucho. Também parece que há um interesse renovado em todas as coisas retrô hoje em dia, com as reinicializações da série clássica e mais remasterizações. Com gerações de jogadores que talvez tenham perdido o Game Boy e o GBA naquela época, o Switch apresenta uma oportunidade de abrir a porta para esses jogos.

Ainda penso em muitos dos jogos GBA e Game Boy que eu escondi durante a minha juventude, e o pensamento de potencialmente ser capaz de revisitar alguns deles no interruptor é mais do que atraente. O que mais me excita, no entanto, é a possibilidade de experimentar jogos que nunca joguei antes, sem ter que investir em uma cópia, se eu não gostar especialmente. Há todas as chances de que essa notícia do emulador possa não representar nada, mas vou ter esperança de que vemos uma seleção abundante de jogos dos clássicos consoles portáteis na linha. O Game Boy Advance é uma máquina que sempre vou me apegar, e seria muito bom apreciar e redescobrir novamente, apenas fantástico e agradável, tantos de seus jogos ainda são.

Leia também  A aventura na ilha Trading Time compartilha seu primeiro trailer no Future Games Show

Com a Nintendo fechando 3DS e Wii U Digital Stores, onde isso deixa a preservação de videogame?

"Heather Heather Wald

Escritor da equipe sênior

Comecei a escrever para a seção de jogos de um site administrado por estudantes como estudante de graduação e continuei escrevendo sobre jogos no meu tempo livre durante trabalhos de varejo e temperatura por vários anos. Eventualmente, ganhei um mestrado em jornalismo de revista na Universidade de Cardiff e logo depois consegui meu primeiro papel oficial no setor como editor de conteúdo da revista Stuff. Depois de escrever sobre todas as coisas relacionadas a Tech e Games, fiz uma breve passagem como freelancer antes de conseguir meu papel como escritor da equipe aqui no GamesRadar+. Agora eu posso escrever recursos, visualizações e críticas, e quando não estou fazendo isso, geralmente você pode me encontrar perdido em qualquer um dos jogos de Dragon Age ou Mass Effect, entrando em outro indie delicioso ou bebendo muito chá para o meu próprio bem.